Filiada à CONFEDERAÇÃO INTERAMERICANA DE ENGENHARIA QUÍMICA

Boletim Informativo
N° 135 - Janeiro/Fevereiro de 2003
Leia nesta Edição:
  • Programa de Trabalho ABEQ - Biênio 2003/2004
  • Governo Britânico oferece Bolsas de Estudo na área tecnológica
  • XIII CONEEQ - Congresso Nacional dos Estudantes de Engenharia Química
  • 6ª Conferência Anual de Resíduos Industriais
  • Sistema de Informação sobre a Indústria Química em CDROM
  • SINAFERM 2003 - XIV Simpósio Nacional de Fermentações
 
Programa de Trabalho ABEQ - Biênio 2003/2004
OBJETIVO GERAL:
A ABEQ tem ao longo dos anos implementado com sucesso um grande número de iniciativas visando a contribuir para o desenvolvimento da Engenharia Química no Brasil.
Essas iniciativas sempre tiveram repercussão positiva, tendo sido incorporadas pela comunidade. Assim, estão consolidados os nossos Congressos técnicos (COBEQ, ENBEQ, COBEQ-IC), os prêmios de incentivo a graduandos e pós-graduandos, a Brazilian Journal of Chemical Engineering, o Balcão de Empregos, etc.
Entretanto, à medida que o tempo passa essas iniciativas vão criando vida própria, deixando de ser fortemente identificadas com a ABEQ. Parece ser oportuno, neste momento, investir esforço na consolidação de uma relação mais orgânica entre a comunidade de engenharia química do Brasil e esta Associação. Para tanto, a atual Diretoria pretende, através da reativação/expansão de projetos já existentes e/ou implementação de novos, alcançar os seguintes objetivos específicos:

I. Consolidação de vínculos com os associados e ampliação de seu quadro.
II. Recuperação e aprimoramento de seus veículos de divulgação.
III. Intensificação das interações já existentes e proposição de novas interações entre a comunidade científico-acadêmica e a indústria.

A seguir, detalham-se as linhas de atuação e projetos específicos enfocando cada um desses itens.

LINHAS DE ATUAÇÃO:

I. Consolidação de vínculos e ampliação do quadro de associados:


a. Projeto Bolsa de Estágios: o primeiro contato entre o futuro profissional e a Associação deve merecer atenção redobrada. Para estimular a filiação dos estudantes ao quadro de associados, propõe-se criar a Bolsa de Estágios, oferecendo-se essa facilidade aos alunos filiados. Para implantá-la, é preciso contatar as coordenações de curso de graduação e as indústrias e firmas de engenharia, trabalhando-se em colaboração com diretoria estudantil, utilizando-se estrutura já disponível na ABEQ.

b. Desdobramento da Bolsa de Empregos: ainda visando intensificar a atenção com jovens profissionais, pretende-se dar ênfase especial ao suporte da Associação para o primeiro emprego. Contato com empresas pode se dar simultaneamente ao efetuado para implementação da bolsa estágio.

c. Projeto convênio médico-odontológico: Há demanda por um convênio empresarial desse tipo, por parte de alunos de pós-graduação, profissionais liberais, etc. Sua implementação seria um grande estímulo à ampliação do quadro de associados. Esse projeto irá requerer especialização em contratos de plano de saúde. Implementação poderá utilizar infra-estrutura já disponível na ABEQ.

d. Expansão/Acompanhamento do “Professor ABEQ”: este projeto já vem sendo implementado desde a gestão anterior. O Professor ABEQ é um importante elo entre a Associação e a comunidade acadêmica. Contudo, para ser efetivo esse projeto está requerendo coordenação, com proposição e acompanhamento das atividades a serem desenvolvidas por esses colaboradores. É importante ainda que se estenda o projeto a todos os cursos de engenharia química do país, o que irá requerer contato com a comunidade acadêmica, que poderá ser efetuado por correio eletrônico e/ou telefone. . Implantação do “Engenheiro ABEQ” Nas indústrias e escritórios de engenharia de grande porte pode haver uma figura de contato, com atribuições similares às do Professor ABEQ.

f. Definição do profissional de engenharia química no Brasil: a nova LDB define que o diploma agora não é mais garantia de qualificação profissional. Isso aliado à queda do currículo mínimo da engenharia e ao caráter aberto das diretrizes curriculares recentemente aprovadas, aparentemente indicam a necessidade de novas formas de avaliação do graduado para sua habilitação profissional, seja através de Acreditação de escolas, seja através de “Exames de Ordem”. O assunto assim deve ser estudado, para se definir se essas novas formas serão realmente necessárias e qual a viabilidade da ABEQ assumir essa função, com elaboração nesse caso de um projeto específico.

g. Projeto Consultor ABEQ: 1 – Objetivo: criar uma Bolsa de Consultores entre os Engenheiros Químicos associados, que seriam selecionados pela Diretoria da ABEQ através da análise de Currículos enviados pelos interessados. 2 – Finalidade: Oferecer aos associados, uma possibilidade de anunciar sua proposta de trabalho através da Bolsa de Consultores. 3 – Realização: Através da Bolsa poderiam ser realizados trabalhos de Consultoria nos mais variados campos da química, contratados diretamente entre os interessados e os consultores, sem intervenção da ABEQ. 4 – Responsabilidade: A ABEQ simplesmente faria os anúncios em sua Home Page, ficando a responsabilidade do serviço para o Consultor solicitado. 5 – Autorização: Exigiremos uma Autorização por escrito e assinada pelo candidato a consultor, autorizando a inclusão do seu anúncio em nossa Home Page por um prazo determinado, bem como sua responsabilidade pelo serviço de Consultoria que vier a ser prestado.

II. Veículos de divulgação:

a. Projeto revitalização da Revista Brasileira de Engenharia Química: esse veículo é essencial para integração da comunidade. Serão realizadas novas tentativas de obtenção de recursos específicos. Enquanto isso, buscar-se-á ampliar número de sócios de modo a se poder incluir a revista nas despesas operacionais fixas da Associação. Até o momento isso não tem sido possível, pois os recursos advindos do pagamento de anuidades não tem sido suficientes para cobrir até mesmo as despesas operacionais imprescindíveis.

b. Projeto informatização da Brazilian Journal of Chemical Engineering: A informatização do processo de submissão, análise e editoração eletrônica de manuscritos é importante para a consolidação internacional da revista. Implementação desse projeto, contudo, irá requerer além dos custos de implantação, serviço regular de secretaria, prevendo-se ser de difícil implantação em curto prazo. Propõe-se buscar fontes de financiamento desse projeto.

III. Interação entre as comunidades científico-acadêmico-industrial:


a) Continuidade/Expansão dos Prêmios:

a1. Rhodia-ABEQ: projeto consolidado mas requerendo promoção nas escolas para aumento do número de concorrentes. Responsáveis: Gil, Cremasco (com colaboração dos “Professores ABEQ”), diretor estudantil
a2. Braskem-ABEQ: idem a a1
a3. Incentivo à Aprendizagem: ampliação. Responsáveis: Cremasco, diretor convidado

b) Congressos
b1. Participação ativa na organização dos Congressos já existentes: COBEQ, ENBEQ e COBEQ-IC.
b2. Realização de um novo congresso em 2003, mais direcionado à indústria: parceria ABEQ/VNU para realização de congresso e exposição da indústria química nacional junto com feira de equipamentos industriais alemães e mini-cursos em paralelo.

c) Organização de cursos: essa é uma importante atividade que deverá ser retomada com ênfase, tanto para servir a comunidade quanto para divulgar a ABEQ.

d) Projeto cooperação comunidade acadêmica/industrial: em conjunto com outras Associações visando a auxiliar na catálise de projetos de P&D: em fase preliminar de elaboração.
 
Governo Britânico oferece Bolsas de Estudo na área tecnológica
O Governo Britânico oferece, através do Programa Chevening de Bolsas de Estudo, uma nova modalidade de bolsa, destinada a brasileiros que tenham título de doutor na área de tecnologia avançada. O programa terá início em setembro de 2003 e uma duração de nove meses, incluindo um curso e um estágio de pesquisa numa das principais universidades britânicas. O objetivo é capacitar os bolsistas a atuar na área de transferência de tecnologia e de comercialização da inovação, com um misto de pesquisa tecnológica e treinamento empresarial. Para participar do curso, que acontecerá no London Centre for Scientific Enterprise (CESL), um centro britânico de inovação científica e empresarial, é necessário que o bolsista tenha um projeto de empresa em potencial, a ser desenvolvido durante a formação, com a possibilidade do projeto, após o treinamento, ser aplicado comercialmente no Reino Unido.As inscrições podem ser feitas do dia 15 ao dia 14 de março de 2003, no site www.cselondon.com/ctes.
 
XIII CONEEQ - Congresso Nacional dos Estudantes de Engenharia Química

Irá acontecer no período de 08 a 14 de junho de 2003 - UEM - Maringá - PR, o XIII Congresso Nacional dos Estudantes de Engenharia Química, o tema será O Engenheiro Químico e a Sociedade. Os objetivos são:
- Almejar a integração entre todos os congressistas, transformando, por meio de debates, eventos culturais e técnicos, este encontro numa incomparável oportunidade de trocar idéias e informações que se destacam em torno do tema central do congresso.

- Ajudar a desenvolver a consciência crítica em nossos futuros e atuais profissionais em relação às concepções sociais.
- Promover amplos debates e avaliações sócio-científico-culturais sobre o meio no qual estamos inseridos.
- Trazer o conhecimento das empresas e autoridades, divulgando a importância do curso de Engenharia Química.
- Buscar a dignificação do futuro profissional da área.

Maiores informações podem ser obtidas no seguinte endereço: www.deq.uem.br/eventos/coneeq2003 ou pelo e-mail: xiiiconeeq@onda.com.br

 
6ª Conferência Anual de Resíduos Industriais
A ABEQ irá sortear no dia 10 de março de 2003, entre os seus associados, uma inscrição grátis para a 6º Conferência Anual Técnicas e Soluções Práticas em Gestão, Tecnologia e Legislação Aplicada a Resíduos Industriais que será realizado nos dias: 18 e 19 de março de 2003 e no dia 20 de março o Workshop e a Visita Técnica no Grand Hotel Mercure em São Paulo. Além do sorteio, os sócios têm desconto de 15% na inscrição.
Existem 05 motivos para você participar desta conferência: 1 - Esclarecer suas dúvidas referentes ao licenciamento ambiental, a reforma da norma ABNT 10.004 e o projeto de lei da política nacional de resíduos sólidos. 2- Aprender como desenvolver programas de segurança que minimizem os riscos no transporte de resíduos perigosos. 3 - Desenvolver processos produtivos mais limpos gerando menor quantidade de resíduos. 4 - Analisar as principais dificuldades para implementação de uma gestão de resíduos. 5 - Conhecer as vantagens e desvantagens de cada processo de destinação e custos envolvidos.
Este evento é promovido pela IBC (Internacional Business Communications) e conta com o apoio da ABEQ
Maiores informações: Secretaria Executiva da ABEQ ou com a IBC - Tel: (11) 3017-6888 ou Fax: (11) 3017-6919 - Home Page: www.ibcbrasil.com/residuos ou E-mail: residuos@ibcbrasil.com.br
 

Sistema de Informação sobre a Indústria Química em CDROM

A Profª Adelaide Antunes, da Escola de Química da Universidade Federal do Rio de Janeiro, apresentou um Workshop "Oportunidades de Investimentos no Complexo Químico Brasileiro", realizado na ABIQUIM, no dia 5 de dezembro de 2002.
Os interessados em adquirir o CD ROM - "Sistema de Informação sobre a Indústria Química" Especialidades Químicas, da Escola de Química da Universidade Federal do Rio de Janeiro, - deverão contatar diretamente a:
Profª Adelaide Maria de Souza Antunes, D.Sc.
Escola de Química da Universidade Federal do Rio de Janeiro
Gestão e Inovação Tecnológica
Coordenação do sistema de Informação sobre a Indústria Química - SIQUIM
Centro de Tecnologia, Bloco E - sala 204
I 2000 SIQUIM
Cidade Universitária - Ilha do Fundão
21949-900 - Rio de Janeiro - RJ
Tel./Fax: 21-2562-7426
e-mail: adelaide@eq.ufrj.br

 
SINAFERM 2003 - XIV Simpósio Nacional de Fermentações

Este evento irá acontecer no período do dia 05 a 08 de agosto de 2003 no Hotel Maria do Mar em Florianópolis - Santa Catarina.
Venha participar e discutir os aspectos relevantes em Processos Biotecnológicos (sentido amplo), abrangendo temas nas áreas:
- Processos Fermentativos e Enzimáticos;
- Cultura de Celúlas Animais e Vegetais;
- Biotecnologia Agrícola e Ambiental;
- Engenharia Metabólica;
- Recuperação e Purificação de Produtos.
Maiores informações podem ser obtidas na
Secretaria do SINAFERM 2003
FEESC - Centro Tecnológico
Universidade Federal de Santa Catarina
Caixa Postal 5040 - 88040-970 - Florianópolis, SC
Fone: 48 233 4455 Fax: 48 331 9677
E-mail: sinaferm@enq.ufsc.br
 

Fale com a ABEQ - Envie suas sugestões e críticas para a Associação:

SECRETARIA EXECUTIVA ABEQ
ABEQ-Associação Brasileira de Engenharia Química
Tel: (11) 3107-8747 – Telefax: (11) 3104-4649
E-mail: abeq@abeq.org.br
Home Page: www.abeq.org.br


O Boletim Informativo da ABEQ é um serviço desta Associação para todos os profissionais da área de Engenharia Química. Favor divulgar para quem tiver interesse ou enviar seu e-mail para a ABEQ. Caso você não queira mais receber este Boletim Informativo da ABEQ, desculpe-nos pelo envio e por favor nos comunique por e-mail abeq@abeq.org.br seu desejo de não mais receber este serviço.