Leia nesta Edição:

·         Ponto de vista

·         Prêmios

·         Clipping do Setor

·         Cursos

·         Livros

·         Oportunidades

·         Notícias Estudantis

·         Eventos

·         Notícias da ABEQ

 

PONTO DE VISTA

O retorno do engenheiro de processos

Carlos Eduardo Pantoja

Engenheiro químico, mestre em Processos Industriais pelo IPT-SP e diretor técnico da Pro-Tech Engenharia Quimica.

Lendo os capítulos iniciais de duas excelentes obras recém lançadas - “Engenharia de Processo nas Plantas Industriais”, de Antonio José Saraiva (Solisluna Editora, 2010) e a quinta edição do já famoso “What Went Wrong” de Trevor Kletz (Gulf Professional Publishing, 2009) - me foi inevitável refletir sobre a engenharia química como profissão no Brasil e, por que não, na minha própria carreira.

Tendo começado a trabalhar no final dos anos oitenta em uma grande empresa do ramo químico, pude testemunhar a reviravolta a que foram submetidos os departamentos de engenharia das indústrias privadas no início dos anos noventa. Graças à súbita abertura do mercado brasileiro, a indústria química foi acometida pela “síndrome do custo fixo”: departamentos de engenharia inteiros foram reduzidos a um mínimo (e em alguns casos virtualmente desapareceram) como reação imediata à queda nas receitas. Muitos profissionais qualificados e experientes simplesmente abandonaram a profissão e foram tentar a vida em outras atividades. Engenheiros químicos formados nos anos subsequentes tinham maiores chances de emprego em instituições financeiras e consultorias de gestão empresarial, ou buscando colocações em órgãos governamentais através de concursos públicos - na grande maioria das vezes em funções que nada tinham a ver com Termodinâmica, Mecânica dos Fluidos ou Operações Unitárias.

Os anos se passaram, a estabilidade econômica se consolidou no Brasil e, por uma série de razões que não vêm ao caso aqui, a indústria química brasileira voltou a crescer e a investir. Infelizmente, o ciclo perverso descrito no parágrafo anterior teve um efeito deletério nas plantas químicas brasileiras. Em minha atividade em projetos e consultoria é comum me deparar com unidades industriais com documentação pobre e desatualizada, processos conduzidos de forma ineficiente, cenários de quase-acidentes provocados pela falta de análise de riscos dos processos, equipamentos e sistemas operando fora das condições de projeto, etc. etc. Em suma, sintomas de um mal crônico: a falta de engenheiros de processos químicos.

Felizmente, hoje pelo menos já se tem consciência do “hiato” existente na engenharia nacional provocado pela falta de renovação de profissionais. O próprio governo brasileiro recentemente diagnosticou, através de uma comissão criada no senado especialmente para analisar este problema (comissão ironicamente dirigida pelo ex-presidente Fernando Collor), que se medidas concretas e imediatas não forem tomadas, o Brasil não conseguirá fazer frente à demanda por profissionais de engenharia criada pelos projetos de expansão da indústria química e petroquímica, oriundos das recentes descobertas de petróleo na camada pré-sal.

O engenheiro de processos químicos voltou a ser, hoje em dia, profissional requisitado e com boa perspectiva de remuneração e ascensão profissional, e a tendência é que o seja cada vez mais nos próximos anos. É uma ótima notícia para as novas gerações de engenheiros químicos. Espero que desta vez os engenheiros de processos voltem para ficar.

http://www.abeq.org.br/Boletins/img/voltar.gif

 

PRÊMIOS

Prêmio Nacional Braskem/ABEQ

A divulgação dos trabalhos vencedores ocorrerá no dia 31 de maio, no Rio

A ABEQ divulgará os nomes dos ganhadores do concurso na ocasião do II Workshop “Inovação e Sustentabilidade na Indústria Química Brasileira”, a ser realizado no dia 31 de maio, no Centro Empresarial Rio, no Rio de Janeiro (RJ). Em sua 9ª edição, o prêmio será concedido aos melhores projetos de pós-graduação nos temas Solução Pós-Consumo de Plástico e Matérias-Primas Renováveis. A premiação será da seguinte forma: 1º lugar: R$ 6 mil, 2º lugar: R$ 4 mil. Os ganhadores e orientadores dos trabalhos contemplados receberão diploma alusivo.  

O Prêmio Braskem-ABEQ é uma parceria entre a ABEQ e a Braskem S.A. e tem como objetivos apoiar o avanço da ciência e da tecnologia no país, estimular a pesquisa, revelar talentos e investir em estudantes que procuram alternativas para os problemas brasileiros.  Sua primeira edição ocorreu em 1999 e, desde então, vem premiando trabalhos inovadores nas mais diversas áreas, com a participação de estudantes e pesquisadores de todas as regiões brasileiras.

Desafio Universitário Oxiteno-ABEQ de Engenharia Química

Serão distribuídos R$ 9,5 mil em prêmios, no dia 31 de maio, no Rio

http://www.abeq.org.br/images/premio2009.jpgOs ganhadores do Desafio Oxiteno-ABEQ 2009 também serão anunciados durante a realização do II Workshop “Inovação e Sustentabilidade na Indústria Química Brasileira”, a ser realizado em 31 de maio, no Edifício Argentina, Centro Empresarial Rio, no Rio de Janeiro (RJ). Nesta edição, 333 alunos se inscreveram, sendo 80 individualmente, 58 grupos de 2 alunos, e 195 grupos de 3. Destes, 8 grupos enviaram projetos-problema resolvidos. Ao todo, serão distribídos R$ 9,5 mil em prêmios, em cerimônia a ser realizada neste semestre.

Promovido pela ABEQ e a Oxiteno, o Prêmio Oxiteno-ABEQ visa valorizar o trabalho dos estudantes, premiando as melhores e mais inovadoras soluções para um problema do dia-a-dia da indústria química. Em dezessete edições de desempenho e sucesso do concurso, já participaram quase 6 mil alunos de graduação de todo o Brasil, de cursos de Engenharia Química, Engenharia Industrial - modalidade Química-, Engenharia de Alimentos, Engenharia de Materiais, Engenharia de Produção - modalidade Química, e Química Industrial.

Prêmio José Reis

Inscrições até 14 e maio

Estão abertas as inscrições para a 30ª edição do Prêmio José Reis de Divulgação Científica, concedido anualmente pelo CNPq - Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Neste ano, a premiação será atribuída à categoria "Divulgação Científica e Tecnológica", para pesquisador ou escritor que tenha contribuído significativamente com a divulgação da ciência, tecnologia e inovação, aproximando esses temas do público leigo. O vencedor receberá R$ 20 mil e um diploma, além de passagem aérea e hospedagem para participar da solenidade de entrega do prêmio na 62ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), que ocorrerá entre os dias 25 e 30 de julho, na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). O prêmio é concedido anualmente em sistema de rodízio a três modalidades: “Divulgação Científica e Tecnológica”, “Jornalismo Científico” e “Instituição”. Mais informações: www.cnpq.br   

Prêmio Jovem Cientista do CNPq

Inscrições até 30 de junho

O prêmio valoriza soluções simples e acessíveis para problemas diretamente ligados à população. Com o tema "Energia e Meio Ambiente - Soluções para o futuro", o objetivo desta edição será propor o estudo, o desenvolvimento e o uso de energias alternativas de forma sustentável. O prêmio é dividido em cinco categorias: Graduado, Estudante do Ensino Superior, Estudante do Ensino Médio, Orientador e Mérito Institucional. Prêmios de R$ 20 mil a R$ 7 mil e microcomputadores. A instituição de ensino superior e médio selecionada na categoria Mérito Institucional será agraciada com R$ 30 mil. Informações: www.jovemcientista.cnpq.br.

Prêmio Mercosul de Ciência e Tecnologia tem como tema nanotecnologia

Inscrições até 30 de julho

A iniciativa objetiva reconhecer e premiar os melhores trabalhos que contribuem para o desenvolvimento científico e tecnológico do Mercosul. Os interessados disputarão as seguintes categorias: Iniciação Científica, Estudante Universitário, Jovem Cientista e Integração. A edição deste ano da premiação terá como tema a nanotecnologia. Informações sobre o prêmio podem ser obtidas pelo e-mail emediato@mct.gov.br.

 

http://www.abeq.org.br/Boletins/img/voltar.gif

 

CLIPPING DO SETOR

Importações de produtos químicos somam US$ 3 bilhões em março

Segundo a Abiquim – Associação Brasileira da Indúsria Química, as importações brasileiras de produtos químicos atingiram o recorde de US$ 3 bilhões em março, o que representa crescimento de 67% ante o mesmo mês de 2009. As compras de vacinas contra a gripe H1N1 explicam boa parte desse aumento.

De janeiro a março, as compras externas de produtos químicos somaram cerca de US$ 7,3 bilhões, valor 37,5% superior ao do primeiro trimestre do ano passado. O déficit na balança comercial de produtos químicos ficou próximo a US$ 4,3 bilhões no primeiro trimestre. Os produtos mais importados no trimestre foram os medicamentos para uso humano (US$ 1,5 bilhão), os intermediários para fertilizantes (US$ 783,9 milhões) e as resinas termoplásticas (US$ 691,5 milhões). (Abiquim)

Para OMC, etanol não pode ser commodity

O secretário-geral da Organização Mundial do Comércio (OMC), Pascal Lamy, deixou claro, no dia 19 de abril, em visita à usina São Martinho, em Pradópolis (SP), maior processadora de cana-de-açúcar do mundo, que o Brasil terá dificuldades em transformar o etanol em commodity, comercializar o combustível com outros países livre de tarifas e barreiras e sustentar que ele é um produto sustentável ambientalmente. "Existem duas posições: a primeira, defendida pelo Brasil, é que o etanol é ambientalmente correto, o que permitiria uma redução das tarifas nas negociações dentro do OMC. Mas isso pode não ser necessariamente verdade para todo o etanol do mundo e a questão é saber como avaliar o combustível, com rastreabilidade e sustentabilidade", afirmou o secretário-geral da OMC. Lamy salientou ser neutro em qualquer negociação e reafirmou que a posição do Brasil em relação ao etanol não é compartilhada por outros países. Lamy deu sinais de que a questão é mais econômica e menos ambiental e que o País terá de ceder se quiser reduzir tarifas e barreiras comerciais. (O Tempo)

Petrobras bate recorde de exportação de petróleo em março

A Petrobras atingiu, em março, o recorde de exportação de 733 mil barris por dia de petróleo, totalizando 22,73 milhões de barris no mês. Esse resultado superou a marca anterior, de dezembro de 2008, em 113 mil barris. O maior destino das exportações foram os Estados Unidos, respondendo por 32%. Em seguida a Índia com 22%, a China com 20%, a Europa com 18%, e o Japão e Canadá com 4%. (Agência Petrobras de Notícias)

Inglaterra quer ampliar cooperação científica com o Brasil

O Embaixador Britânico do Brasil, Alan Charlton, esteve com o ministro da Ciência de Tecnologia, Sergio Rezende, no dia 15 de abril. Durante o encontro, foi manifestado interesse dos ingleses em ampliar e fortalecer ações nas áreas científica e tecnológica. Charlton disse ao ministro que se empenhará no contorno das regras inglesas no que diz respeito ao lançamento de editais bilaterais para que Brasil e Reino Unido possam, ainda este ano, lançar um edital conjunto propondo pesquisas em áreas de interesse mútuo a serem discutidas. O Conselheiro da Embaixada Britânica para assuntos de C&T, Damian Popolo, também presente no encontro, disse que o Reino Unido já investiu cerca R$ 1 milhão no incremento de estudos conjuntos em diversos segmentos científicos, desde 2006.

Os países possuem acordo básico de cooperação há mais de uma década. Nos últimos quatro anos, mais de 400 pesquisadores ingleses estiveram no Brasil para trocar experiência com cerca de 30 mil pesquisadores e estudantes de pós-graduação. O número de artigos científicos produzidos em conjunto por cientistas dos dois países passou de 400, em 1999, para cerca de 900 por ano desde então. Ele também fez referência à parceria na área espacial destacando a instalação de uma câmara de alta resolução no satélite Amazônia 1, com o lançamento previsto para 2011. (Gestão C&T)

Alemanha quer ampliar intercâmbio estudantil com Brasil

O governo da Alemanha pretende intensificar o intercâmbio de estudantes de graduação e pós-graduação do país com o Brasil. O anúncio foi feito no dia 13 de abril pela ministra da Educação e Pesquisa da Alemanha, Annette Schavan, em conferência no Centro de Convenções da Unicamp. As ações de cooperação – que envolvem a definição de um programa de intercâmbio – estão previstas dentro das comemorações do Ano Brasil-Alemanha da Ciência, Tecnologia e Inovação. A ministra destacou que a Alemanha considera o Brasil um parceiro estratégico na América Latina para a formulação de soluções e propostas inovadoras que possam contribuir para que o mundo avance em direção ao desenvolvimento sustentável. Atualmente, estão em vigor 230 convênios de colaboração entre universidades brasileiras e alemãs. Em contrapartida, existem cerca de 1,2 mil empresas alemãs no Brasil, grande parte delas (cerca de 800) no Estado de São Paulo. (Agência Fapesp)

 

http://www.abeq.org.br/Boletins/img/voltar.gif

 

CURSOS

Agitação e Mistura em Processos Industriais

A ABEQ realizou, nos dias 15 e 16 de abril,  no auditório do Conselho Regional de Química – IV Região, em São Paulo (SP), mais uma edição desse curso, que teve como objetivo oferecer conceitos básicos de processos de agitação e mistura na indústria. Participaram 24 profissionais de nível técnico e superior que atuam nas áreas de projetos e processos industriais. Uma nova edição do curso está prevista para o segundo semestre deste ano.

Pós-graduação em Gestão e Tecnologia Cosmética - Engenharia Cosmética

Associados da ABEQ têm 10% de desconto

O curso destina-se a profissionais que desejam assumir posições gerenciais e estratégicas no setor industrial cosmético, que atuam na cadeia produtora de produtos cosméticos e necessitam possuir ampla visão sobre o mercado e sobre as novas tecnologias, ou ainda a empreendedores do setor cosmético que buscam a aquisição de conhecimentos para otimizar processos e tornar as empresas em que atuam mais competitivas.

O objetivo é capacitar o profissional do âmbito técnico e gerencial, formando especialistas com visão sistêmica no setor cosmético e preparar, por meio das melhores práticas do mercado, profissionais aptos a ocuparem posições ligadas à estratégia e à gestão da empresa.

Os participantes terão o conhecimento da realidade do setor cosmético e da linguagem que envolve projetos, processos, sistemas e recursos das diferentes áreas que compõem uma indústria cosmética. Entendimento do contexto multidisciplinar que envolve esta indústria. Capacidade para analisar criticamente processos de fabricação, sistemas da qualidade, propor/implementar melhorias contínuas. Entendimento da regulamentação. Capacidade de planejamento e gerenciamento de recursos financeiros, materiais e humanos.

Informações: www.racine.com.br/instituto/institucional/cursos-de-pos-graduacao/curso-de-pos-graduacao-em-gestao-e-tecnologia-cosmetica-engenharia-cosmetica

 

Confira mais cursos no site da ABEQ: www.abeq.org.br/cursos_abeq.asp

 

http://www.abeq.org.br/Boletins/img/voltar.gif

 

LIVROS

Bebidas Alcoólicas - Bebidas Vol.1

Este livro, da editora Edgar Blucher, de autoria de Waldemar Gastoni Venturini Filho, faz parte da Série Bebidas - Volume 1 - Bebidas alcoólicas: ciência e tecnologia; Volume 2 - Bebidas não alcoólicas: ciência e tecnologia; Volume 3 - Indústria de bebidas: inovação, gestão e produção - , que foi escrita por 99 autores brasileiros e estrangeiros. Além dos autores brasileiros, participaram desta série especialistas da Costa Rica, Cuba, México, Peru, Uruguai, Irlanda, Portugal e República Tcheca. Trata-se, portanto, de uma obra de cunho internacional.

O Volume 1, com 23 capítulos sobre bebidas alcoólicas, foi dividido em quatro partes: I) Bebidas fermentadas; II) Bebidas destiladas; III) Bebidas retificadas; IV) Bebidas obtidas por misturas. Neste volume, o leitor encontrará três capítulos sobre cerveja e cinco sobre vinho, entre outros. Dez de seus capítulos são dedicados às bebidas alcoólicas derivadas da uva. O Volume 2, com 19 capítulos sobre bebidas não alcoólicas, aborda sucos de frutas, água (de coco e mineral), bebidas isotônicas, à base de soja, lácteas, estimulantes, cajuína, refrigerante e aquelas regionais produzidas na Amazônia e nos Cerrados. No Volume 3, são abordados temas da gestão na indústria de bebidas. Na parte 1, são abordados os aspectos da produção industrial de bebidas: matérias-primas, insumos e processos; na parte 2, a gestão de processos e produtos; e na parte 3, novas tecnologias e novos produtos que estão em desenvolvimento nos laboratórios das universidades e institutos de pesquisa. Pela abrangência dos conteúdos e pela qualidade dos capítulos redigidos por especialistas de cada área, o leitor tem em suas mãos o que de melhor há no mercado editorial brasileiro na área da produção de bebidas.

Sorteio

A ABEQ sorteou aos associados, no dia 19 de abril, um exemplar do livro “Transgênicos – Uma visão estratégica”.

Maria do Carmo Lourenço da Silva, de Recife-PE, foi sorteada e ganhou o livro.

 

http://www.abeq.org.br/Boletins/img/voltar.gif

 

OPORTUNIDADES

BOLSAS

Doutorado e pós doutorado em Nanobiotecnologia

Bolsas para engenheiros químicos, de materiais e para químicos, para atuar em projeto interinstitucional no âmbito da Rede Nanobiotec-Brasil da CAPES, envolvendo a USP, o IPT e a UFSCar. O projeto, que visa o desenvolvimento de catéteres com propriedades antibactericidas, inclui o desenvolvimento do material, o estudo de suas propriedades in vitro e a avaliação in vivo.  Mais informações no email seckler@ipt.br

CONCURSOS

Universidade Federal do Tocantins realiza concurso para professores

São 66 vagas, em diferentes áreas, inclusive engenharia química; inscrições até 9 de maio, no endereço WWW.copese.uft.edu.br

UFABC oferece 67 vagas

Todas as vagas oferecidas em concurso da Universidade Federal do ABC (UFABC) exigem como requisito dos candidatos o título de doutor. As 15 vagas para professores titular, inclusive nas seguintes áreas: Ciências Ambientais; Materiais Cerâmicos; Materiais Poliméricos; Bioengenharia. Inscrições até 4 de maio. Editais em www.ufabc.edu.br

ESTÁGIOS E TRAINEES

Universitários que estão encerrando seus cursos ou recém-formados que querem trabalhar em grandes empresas devem ficar atentos. Algumas companhias estão iniciando seleções para trainees e estágios, destinadas a jovens que são escolhidos, treinados e, até, efetivados.

 

Empresas

Inscrições

Total de vagas

Bolsa-auxílio

Comgás

não informado

30

não informado

Deloit

ao longo do ano

não informado

não informado

Radix Engenharia 

não informado

não informado

não informado

SC Johnson

não informado

42

R$ 840,00

Shell

até 7 de maio

não divulgado

R$ 1.200,00

Whirlpool Latin America

ao longo do ano para estagiários

115

R$ 1.500,00

White Martins

ao longo do ano

não informado

não informado

 

Onde encontrar seu estágio

Agevig Recursos Humanos, Tel.: (35) 3422-9600

Ciee, Tel. 11 3046-8222, www.ciee.org.br

CNIEE - Pouso Alegre, Tel.: (35) 3421-7477, www.cniee.com.br

CRIE - Centro Regional de Integração de Estágios, Tel.: (42) 3523 9920

Estagiarios.com Web Services, Tel.: (11) 3951-2185, www.estagiarios.com

Estágio - Desenvolvimento de RH, Tel.: (11) 4123-4569, www.estagio.org

Estágio Fácil Assessoria Acadêmica, Tel.: (65) 3326-3288

Estagiar Integração e Gerenciamento Estudante-Empresa, Tel.: (11) 5599-4688, www.estagiar.net

Fundap, Tel. 11 3066-5885, www.fundap.sp.gov.br

Gelre, Tel. 11 3351-3744, www.gelre.com.br

Global Central de Estágios, Tel.: (11) 4979-7700, www.globalestagios.com.br

Grupo Premium, Tel.: (11) 3579-9400, www.grupopremiumservicos.com.br

Inicie Estágios, (http://www.inicie.com.br), Tel.: (45) 3254-3116

Mudes, Tel. 21 3094-1181, www.mudes.org.br

Nape - Núcleo Assistencial para Estágios, Tel.: (11) 4337-6767, www.nape.com.br

Nube, Tel. 11 3514-9300, www.nube.com.br

Proempe - Integrador Empresa Escola, Tel.: (34) 3077-3074, www.proempe.com.br

Pró Estágios, Tel.: (41) 3029-9254, www.interagepr.com.br

Soulan Central de Estágios, Tel.: (11) 3748-9046, www.soulan.com.br

Coordenadores de estágios dos cursos de pós-graduação.

 

http://www.abeq.org.br/Boletins/img/voltar.gif

 

NOTÍCIAS ESTUDANTIS

I Seminário ABEQ/FENEEQ - Os Desafios da Indústria Química no Século XXI

27 a 30 de abril, Escola de Química da UFRJ - Rio de Janeiro (RJ)

O obetivo é discutir, a partir de um contexto histórico, os principais desafios que os profissionais da Engenharia Química e áreas afins deverão enfrentar neste século. Também serão debatidos aspectos éticos do exercício da profissão. O evento contará com a presença da diretora vice-presidente da ABEQ, Profª. Drª Suzana Borschiver, além da secretária-geral da Feneeq, Yasmin Soares Gavioli, e também do diretor da Escola de Química da UFRJ, Prof. Dr. Osvaldo Galvão Caldas de Cunha.

A palestra de abertura será proferida por Isaac Plachta, presidente do  SIQUIRJ – Sindicato das Indústrias Química do Rio de Janeiro. Nas mesas redondas, a professora Adelaide Maria Antunes, da UFRJ, e Ricardo K. S. Femam, do Inmetro -  Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial, irão debater sobre o tema “A indústria química brasileira do século XXI”. O diretor presidente da ABEQ, o presidente do CRQ-III, respectivamente, Marcelo Martins Seckler e Jorge Reis Filho, e a professora Maria Antonieta, da UFRJ, debaterão “A importância da ética no exercício da profissão”.

O semínário será composto também de cinco mini-cursos: Introdução à Fluidodinâmica – CFD, Os desafios tecnológicos para o pré-sal no século XXI, Características dos biocombustíveis e sua produção, Análise de riscos aplicada à segurança de processos, Ambiente livre para modelagem, simulação e controle de processos: EMSO – uma introdução rápida e prática. Informações: seminario@feneeq.org.br

Prêmio Incentivo ABEQ à Aprendizagem da Engenharia Química

O prêmio é concedido anualmente aos formandos com melhor desempenho acadêmico nos cursos de engenharia química das mais importantes universidades do Brasil. Consiste de uma quantia em dinheiro, um diploma e uma anuidade grátis de sócio da ABEQ. Criado em 1999, o Prêmio Incentivo já premiou 123 formandos do País. Veja a seguir se você pode concorrer por sua escola.

 

 

 

 

BRASKEM

UFRGS

 

 

 

PETROBRAS

UERJ

UFCG

UFRN

UFAL

UFC

UFSCar

PUC RJ

PUC-RS TURMA 1

UFF

PUC-RS TURMA 2

IME

 

 

 

OXITENO

UFRJ

UFMG

USP/LORENA

UFPR

FEI

UFSC

UNICAMP

HENKEL

FOC

USP (Politécnica)

IMT

UFBA (Politécnica)

 

 

Saiba mais em Prêmio Incentivo.

XV Coreeq S/SE

Julho 2010,  Rio de Janeiro (RJ)

No XV Coreeq - Congresso Regional de Estudantes de Engenharia Química S/SE, que ocorrerá em Seropédica (RJ), espera-se reunir cerca de 500 participantes. A UFRRJ – Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, que completará 100 anos, sediará o evento, que será organizado pelo DAAB - Diretório Acadêmico Arnaldo Bittencourt, da UFRRJ, em conjunto com a Feneeq.

Nesta edição, que terá como tema central “A expansão do pólo petroquímico brasileiro e suas influências na engenharia química”, será realizado um intercâmbio científico, tecnológico, social e cultural entre os diversos estudantes e profissionais de engenharia química e cursos afins, através de mostra de iniciação científica, cerca de dez mini-cursos, palestras, integrações com as empresas (privadas e públicas) e com as universidades. Ao final da programação diária do congresso, serão realizados eventos culturais que caracterizam a história da UFRRJ, incluindo a festa de encerramento. Informações: www.feneeq.org.br

XV Coreeq N/NE

18 a 24 de julho 2010, Maceió (AL)

Durante o mês de julho de 2010, no campus da UFAL – Universidade Federal de Alagoas, ocorrerá o XV Coreeq - Congresso Regional dos Estudantes de Engenharia Química N/NE. Nesta edição do congresso, que será realizada pelo Centro Acadêmico de Engenharia Química da UFAL, em parceria com a Feneeq, o tema central será “Energia, Inovação e Tecnologia as Múltiplas Faces da Engenharia Química”.  Tema escolhido para abordar as novas tecnologias e temas da indústria química, desde nanotecnologia até o pré-sal. O intuito do organizadores é aproximar o congressista a tudo de mais novo no mundo da Engenharia Química. Informações: www.feneeq.org.br

I Semana Acadêmica da Engenharia Química da EST/UEA

7 a 11 de junho de 2010, Manaus (AM)

Será realizado nas dependências da Escola Superior de Tecnologia da UEA - Universidade do Estado do Amazonas, com o objetivo de promover a troca de conhecimentos e a interação entre alunos e profissionais da região, além de divulgar o curso. O evento tem como público-alvo alunos de graduação, pós-graduação, assim como técnicos e profissionais da área de engenharia química do Estado do Amazonas e de todo o país.

XII Congresso de Estudantes de Ciências e Engenharia de Materiais do MERCOSUL, XII CECEMM.

25 a 31 de Julho de 2010, na UFRGS, em Porto Alegre (RS)

Como objetivo geral do evento busca-se a divulgação e o debate da Ciência e Engenharia de Materiais, reunindo no mesmo espaço profissionais e estudantes de todo o Mercosul através de mini-cursos técnico-científicos e palestras, intercâmbio técnico, científico, e sócio-cultural entre os participantes e as empresas parceiras, visitas técnicas às indústrias da região, integração dos estudantes com as empresas parceiras, através de palestras e mini-cursos. O congresso englobará: IV Encontro Nacional de Empresas Junior de Engenharia de Materiais – ENEJUM, III Encontro de Centros Acadêmicos de Engenharia de Materiais – ENCAMa, Feira de Empresas.

7ª SEQ – Semana da Engenharia Química da UFSCar

Agosto 2010, São Carlos (SP)

A UFSCar realizará a sua 7ª Semana da Engenharia Química, SEQ. Trata-se de um evento acadêmico organizado pelos alunos de graduação do curso de Engenharia Química com o objetivo de mostrar aos demais graduandos quais as possibilidades e campos de atuação de um engenheiro químico. Desta vez, a SEQ tratará do tema: “ Projeto, Processo e Produção: as formas de atuação do Engenheiro Químico”. Com ele, pretende-se  proporcionar aos participantes uma visão mais ampla dos cargos que podem vir a ocupar posteriormente.

Além da participação de professores de outras universidades renomadas e profissionais atuantes em grandes empresas, a Semana contar também com a presença de estagiários e engenheiros recém-formados, permitindo ao graduando acompanhamento da evolução da carreira, entrar em contato com pessoas que já vivenciaram experiências pelas quais todos passarão e participar de discussões relevantes na área da engenharia química. Como inovações, haverá mostra de Iniciação Científica e visita programada para estudantes do Ensino Médio para que conheçam um pouco mais sobre o curso e sobre o Departamento de Engenharia Química da UFSCar.

IV Semana Acadêmica de Química e Engenharia Química da UFV - Universidade Federal de Viçosa

Agosto de 2010

O tema do evento será "Conhecimento e inovação: da universidade à indústria". Mais informações em breve.

X SAEQA - Semana Acadêmica de Engenharia Química e de Alimentos da UFSC

25 a 30 de outubro de 2010 - Florianópolis (SC)

Esta edição da SAEQA tem como objetivo despertar o lado empreendedor e inovador de seus participantes, com o tema: “Trilhe seu futuro, investindo em idéias”. Com esse intuito, a X SAEQA oferecerá aos seus participantes a imersão em uma semana enriquecedora, proporcionando contato com profissionais de diversas áreas, aptos a abortar assuntos como inovações tecnológicas, o engenheiro como empreendedor, o mercado e suas tendências, bem como o trabalhar o lado motivacional e de planejamento de carreira de seus expectadores.

http://www.abeq.org.br/Boletins/img/voltar.gif

EVENTOS

XVIII COBEQ – Congresso Brasileiro de Engenharia Química

19 a 22 de setembro de 2010, Foz do Iguaçú (PR)

logo_cobeqO COBEQ constitui-se no fórum nacional mais importante para o encontro dos profissionais de Engenharia Química que se dedicam ao ensino e à pesquisa nas universidades. Promovido pela ABEQ a cada dois anos, esta 18a edição será organizada conjuntamente pelo Departamento de Engenharia Química da UEM - Universidade Estadual de Maringá, e a Faculdade de Engenharia Química da Unicamp. Simultaneamente ao XVIII COBEQ, será realizado o  8 º Encontro Brasileiro de Adsorção – EBA2010 e o V Congresso Brasileiro de Termodinâmica – V CBTermo.

As áreas temáticas são Engenharia de Reações Química e Catálise, Processos de Separação, Fenômenos de Transportes e Sistemas Particulados, Modelagem, Otimização e Controle, Engenharia Ambiental, Biotecnologia, Engenharia e Ciências de Alimentos, Engenharia de Materiais, Ensino de Engenharia Química, além de temas correlatos.

Calendário do XVIII COBEQ

Comunicação do aceite e correções: 15/07/2010

Data limite de inscrição: 30/07/2010

Envio do trabalho completo corrigido: 02/08/2010

Data do evento: 19 a 22/09/2010

Informações: www.abeq.org.br/cobeq.asp

II Workshop sobre Inovação e Sustentabilidade na Indústria Química

Rio de Janeiro, dia 31 de maio de 2010;  inscrições até 25 de maio

Evento conjunto da UFRJ com a ABEQ, o seminário terá a participação de todos os atores envolvidos na sociedade: governo, universidades, empresas e a sociedade civil. Serão abordadas as seguintes questões: matérias primas renováveis; fontes de energia alternativas, com discussão sobre as  questões tecnológicas, mercadológicas e de regulamentação; novas plataformas tecnológicas da industria química, com exemplos de inovação tecnológica; perspectivas da questão ambiental na industria química, com ênfase no tratamento de rejeitos e reciclagem.

Coordenado pela Profª Dra. Suzana Borschiver, da Escola de Engenharia/UFRJ, e diretora vice-presidente da ABEQ, o evento visa: (1) integrar as questões da inovação e da sustentabilidade – mostrar que existe convergência com as  estratégias corporativas das empresas; (2) ser um  instrumento para mudar a visão da sociedade sobre o setor químico; (3) fornecer subsídios tanto para estratégias empresariais como para as políticas industriais e tecnológicas; (4) colaborar na identificação de  linhas onde o país possua vantagem competitiva inerente – apontar estas oportunidades para as empresas do setor com identificação de competências para preparar processo de capacitação de pessoal.

Durante o intervalo do curso, serão realizadas as entregas dos prêmios aos ganhadores dos concursos Desafio Oxiteno-ABEQ 2009 e 9ª edição do Prêmio Nacional de Pós-graduação Braskem-ABEQ.

Informações: www.abeq.org.br/workshop_inovacao2.asp

 

13º Congresso de Atuação Responsável

2ª Conferência Latino-Americana de Segurança de Processos

1ª Feira Internacional dos Fornecedores da Indústria Química e Petroquímica

 

21 a 24 de junho de 2010, Anhembi, São Paulo (SP)

 

Serão discutidos o desempenho da indústria química nas áreas de meio ambiente, segurança, saúde, proteção (security) e responsabilidade social e os avanços na área de segurança de processos e de produtos. O valor da inscrição para os três dias de eventos é de R$ 1.600,00. Para um dia, o valor é de R$ 600,00. Associados da ABEQ têm direito a desconto. Em paralelo, será realizada a 1º Feira Internacional dos Fornecedores da Indústria Química e Petroquímica, que se estenderá até o dia 24. Informações e inscrições em www.abiquim.org.br/congresso

 

 

 

TECNIQ 2010 – II Seminário sobre Tecnologia na Indústria Química

19 a 21 de outubro  de 2010

Nos últimos 30 anos o Brasil consolidou sua capacidade de geração de conhecimento científico, respondendo hoje por 1,8% da produção científica mundial. No entanto, a transformação deste conhecimento em bens ou serviços para a sociedade ainda tem muito que evoluir. Preocupados com esta questão, a ABEQ e a ABIQUIM conceberam um evento pretende contribuir para a consolidação de um ambiente favorável à implantação de inovações tecnológicas na Indústria Química do Brasil. Esta edição do evento será realizada em parceria com o IPT – Instituto de Pesquisas Tecnológicas do Estado de São Paulo. Os organizadores acreditam que o evento é essencial para se alcançar e dar sustentação à competitividade do setor internacionalmente. 

Objetivos

: apresentar à indústria tecnologias com aplicação potencial na indústria química.

: apresentar à comunidade científica e empresarial problemas típicos da indústria química.

: discutir e propor soluções para gargalos do desenvolvimento tecnológico da IQ no Brasil.

: integrar comunidade empresarial e acadêmico-científica.

Público alvo

: profissionais da área da química e correlatas, de nível superior ou técnico, incluindo-se engenheiros químicos, químicos industriais, químicos, farmacêuticos, engenheiros de materiais, técnicos químicos, etc.

: profissionais atuantes nas áreas de processo, produção, planejamento, P&D em indústrias químicas, petroquímicas, farmacêuticas e alimentícias.

Formato

: mesas redondas em temas como inovação, proteção intelectual, sustentabilidade, matérias primas renováveis, entre outros

: seções técnicas em paralelo, apresentadas por pesquisadores da indústria e academia.

 

Mais informações em breve no site da ABEQ.

 

OUTROS EVENTOS

4ª Conferencia Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação

26 e 28 de maio, em Brasília (DF)

O Brasil vive um momento histórico, como uma das grandes economias do planeta, e deverá assumir responsabilidades crescentes com a qualidade ambiental e a redução das desigualdades sociais. Pensando nisso, serão realizadas discussões na 4ª Conferencia Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação. Nosso País tem enormes vantagens comparativas para estar à frente dessa discussão e vir a se tornar uma potência no novo paradigma do desenvolvimento sustentável, além de possuir reconhecido capital intelectual científico.

O fortalecimento do protagonismo internacional que o Brasil tem buscado exercer requer tanto avanços na preparação técnica e política do País quanto a adoção de ações e políticas nacionais consistentes e duradouras para o desenvolvimento, a justiça social e a qualidade do meio ambiente. Essas políticas têm muito a se beneficiar de novos avanços da ciência, tecnologia e inovação que a 4ª CNCTI irá abordar. Acesse o portal da 4ª CNCTI em www.cgee.org.br/cncti4. Contato: cncti4@gmail.com

2º Senágua - Seminário Nacional Água e Desenvolvimento e 1º Sinterágua e EXPOÁGUA 2010 - Mostra de Tecnologias para Eficiência de Uso da Água e Exposição Institucional

19 a 21 de maio de 2010, São José (SC).  Informações: Tel.: (48) 3348-4500, Site: www.senagua.com.br

10th International Conference on Fundamentals of Adsorption (FOA 10)

23 a 28 de maio de 2010.   Awaji, Japão. Informações: www.cheme.kyoto-u.ac.jp/foa10/

EngOpt - International Conference on Engineering Optimization

6 a 9 setembro de 2010, Lisboa,, Portugal

The main goal of EngOpt conferences is to periodically bring together engineers, applied mathematicians and computer scientists working on research, development and practical application of optimization methods applied to all engineering disciplines or developing basic techniques in this field. Conference Topics: Design Optimization and Inverse Problems, MDO - Multidisciplinary Design Optimization, Basic Numerical Optimization Techniques, Efficient Analysis and Reanalysis Techniques, Sensitivity Analysis, Industrial Applications. Information: http://www.engopt.org/

Confira mais eventos no site da ABEQ: www.abeq.org.br/eventos_geral.asp

http://www.abeq.org.br/Boletins/img/voltar.gif

 

NOTÍCIAS ABEQ

Eleições na ABEQ – 2010/2012

Encontra-se na reta final as eleições na ABEQ para Conselho Superior, Diretoria e Seções Regionais, mandato biênio 2010/2012.

Conselho Superior – 10 membros

Diretoria

- Diretor Presidente

- Diretores Vice-Presidentes (3)

- Diretor Secretário

- Diretor Tesoureiro

Diretoria de Seções Regionais (2 por regional)

- São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco, Rio Grande do Sul e Rio Grande do Norte.

A ABEQ já recebeu as inscrições de candidatos aos cargos acima listados. Até o próximo dia 3 de maio, a Associação encaminhará a todos os sócios, por e-mail, a cédula de votação com as instruções necessárias. O dia 21 de junho é o prazo de encerramento da votação. A apuração dos votos e proclamação dos resultados serão divulgadas em Assembléia Geral Ordinária, no dia 1 de julho, às 16 horas, na sede da ABEQ.

Exerça o seu direito e vote. A ABEQ conta com a participação efetiva de cada associado. Não deixe de participar deste importante momento da ABEQ.

Publique seu artigo no Boletim ABEQ

A ABEQ convida profissionais do setor industrial e acadêmico para participar do Boletim Informativo, com artigos que sejam de interesse de amplos segmentos da comunidade da engenharia química.

Envie sua idéia para a redação em imprensa@abeq.org.br a/c de Ademilson Cadari. Em alguns casos, o Editor o orientará para eventual ajuste à linha editorial do Boletim. Os artigos devem ser isentos de conteúdo publicitário e conter no máximo 1 página de texto com letra Arial, corpo 10, espaço duplo.

http://www.abeq.org.br/Boletins/img/voltar.gif


O Boletim Informativo é uma publicação da ABEQ- Associação Brasileira de Engenharia Química

Marcelo Martins Seckler, Editor

Ademilson Cadari, Jornalista - Mtb 41.344

SECRETARIA EXECUTIVA ABEQ

Associação Brasileira de Engenharia Química

Tel: (11) 3107-8747  Telefax: (11) 3104-4649

E-mail: abeq@abeq.org.br  Site: www.abeq.org.br

Responsáveis:

Marcelo Martins Seckler

Diretor Presidente da ABEQ

Bernadete A. Perez

Secretária Executiva da ABEQ

Para esclarecer dúvidas ou enviar sugestões, escreva para imprensa@abeq.org.br ou acesse www.abeq.org.br.